Sagara - Justin Beldwell



Sagara não apareceu imediatamente, mas quando o fez, ela encheu o plano astral adjacente com uma bela luz. No início, ela apareceu apenas como o seu sigilo brilhando com uma luz branca e fria. Com o tempo ela tomou uma forma humana. Depois das introduções começamos a conversar.

Bardon dá o nome Sagara, e Abramelin dá o nome Sagarez. Qual é o melhor nome para lhe chamar?
Sagara é uma representação melhor quanto às forças que governo. É mais verdadeiro.

O que você busca numa pessoa para iniciá-la?
A busca pela verdade, não importa a dificuldade ou onde ela possa estar.

O que ocorre quando você inicia alguém?
Eu preencho cada elemento com uma luz brilhante, carregando-a com o poder sobre os elementos.

Qual é a relação entre a iniciação e a influência dos humanos e animais de uma maneira mágica?
Existem muitos aspectos da magia e eu inicio os magos na arte da influência de humanos e animais, outros espíritos podem iniciar alguém em outros aspectos da arte. É a minha especialidade.

Existe apenas uma iniciação ou existem muitos estágios do que você faz?
Muitos, depende do desejo pela verdade. Enquanto o iniciado continua buscando pela verdade, eu continuo a iniciá-lo mais profundamente nos mistérios.

Para aqueles que desejam serem iniciados, o que você recomenda para que eles sejam notados por você?
Medite no céu noturno e na luz das estrelas, bem como no nascer do sol – medite na luz e no instinto inextinguível pela verdade. Eu virei para aqueles que fazem isso e começarei o processo.

Como o homem e o animal são influenciados de uma maneira mágica?
Torne a sua força de vontade como uma luz (embora ela tenha falado luz, eu a experimentei como uma luz branca quase grossa como um fluido, com o calor e a viscosidade do magma fluindo para fora de seu ser). Com isso como o médium para a vontade, você pode fazer qualquer coisa.

Eu peço por um método para iniciar pessoas estudando como meus discípulos, de modo que não terei problemas ao chamá-la novamente. Ela explica o método a mim e de que uma verdadeira iniciação deve consistir. Estou infelizmente não permitido a escrever sobre isso, mas eu direi, não é difícil e pode-se intuí-lo com os escritos acima e através da experimentação. Em seguida medito com ela em suas energias. A aura externa dela é um grande pilar de luz brilhando mais na parte inferior do que no ápice, seu centro tendo uma esfera de akasha como um buraco negro. A aura interna dela é uma coluna pura de luz se elevando. Eu agradeço Sagara e a levo de volta à sua esfera.
Sagara era muito direta e não muito conversadora. Ela poderia lançar um olhar que deixaria um homem arrepiado se tivesse se manifestado no plano físico, mas ela era muito gentil.